0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Escolha um alisador de cabelo adequado para si

O alisador é um utensílio fulcral para as adeptas de cabelos lisos! Então, se tiver boa destreza de mãos, melhor ainda. Poderá realizar todo o tipo de alisamento, de trás para a frente e de frente para trás! Mas, antes disso, há que arranjar um alisador adequado para si. Conheça os nossos conselhos antes de ir a correr comprar um.
 
O mais importante é escolher um alisador com regulador de calor. “Lá por haver alisadores que atingem até 200 graus, não significa que sejam mais eficazes ou mais rápidos do que os demais. O regulador de calor permite, nesse caso, adaptar a temperatura do aparelho à natureza do cabelo. Os cabelos finos ou fragilizados, por exemplo, não toleram temperaturas demasiado elevadas, ao passo que os cabelos crespos já aguentam melhor.” Prefira, portanto, um alisador que atinja os 190 graus, 200 no máximo, e que disponha de um regulador.
 
Relativamente ao revestimento, as placas de cerâmica são o ideal pelo facto de serem menos agressivas para o cabelo. “Ainda assim, não abdique de um spray alisador com protecção térmica, de modo a proteger os seus cabelos do calor das placas.”
 
Em todo o caso, recomenda-se vivamente que privilegie material profissional, pois sempre é mais eficaz e menos prejudicial para o cabelo. “Saiba que os alisadores de qualidade média não costumam aquecer tão bem. Por isso, terá tendência a passar várias vezes o aparelho na mesma mecha, o que não é nada saudável para o cabelo.” Tenha uma coisa em mente: não fique estática no cabelo.
 
Para optimizar a eficácia e a vida útil do seu alisador, há recomendações práticas que deve ter em conta. Antes de mais, evite torcer os cabos eléctricos, e mantenha-os ao abrigo da humidade. É válido para qualquer aparelho eléctrico! Da mesma forma, aconselhamo-la a limpar as placas após cada utilização. “Aguarde que as placas arrefeçam completamente e limpe-as com um pano seco ou ligeiramente humedecido, já que os produtos estruturantes usados tendem a deixar resíduos nas mesmas. Mas também não é caso para se preocupar, pois não compromete em nada o funcionamento do aparelho.”
 
A nossa dica: Como alternativa, pode usar o seu alisador como um modulador de caracóis se souber manipulá-lo correctamente! Nesse sentido, terá de girar o aparelho à condição de não quebrar os fios de cabelo nem de lhes dar um aspecto demasiado penteado… Mas, com algum jeitinho, e desde que seja para situações pontuais, não tem como não criar ondulações bonitas. Verá que não é nada que não consiga fazer!

PARTILHAR

Pode também gostar

Antes&Depois: caracóis com Style Bar

Paris: um jantar inesperado e menos de uma hora para...

Ler Mais

O corte médio desfiado multifacetado

Desfiar consiste em dar leveza à massa capilar sem cortar...

Ler Mais

A escova progressiva: 3 questões a ponderar antes de a adotar

Sonha com uma cabeleira maneável e radiante, mas não menos...

Ler Mais