0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Verdades e mitos sobre a laca

Adora o efeito fixante que a laca proporciona, mas receia que esta danifique os cabelos. Todavia, se for corretamente utilizada, a laca não fragiliza, de modo algum, a sua cabeleira. Retrospetiva sobre as dúvidas que possa ter relativamente à utilização da laca.   A laca acaba por danificar os cabelos: Mito A menos que “despeje” diariamente meia embalagem de laca, esta não estraga o cabelo. «Desde que seja moderada na aplicação, não há razão para a laca lhe danificar o cabelo. Se não prescindir da laca, lave regularmente o cabelo».   A laca pode ser eliminada com uma escova: Verdade Não é obrigada a lavar o cabelo só para remover a laca. «Uma laca de qualidade não deixa resíduos no cabelo nem o deixa com um aspeto oleoso. Além do mais, uma vez penteados, os cabelos acabam por recuperar a sua posição natural. Agora, se escovar os cabelos e, ainda assim, estes não voltarem ao seu estado inicial, mude de laca!».   A laca tende a deixar o cabelo teso: Mito De todo. Uma laca que seja de qualidade não implica necessariamente um efeito teso. «Se a laca for aplicada uniformemente e a alguma distância do cabelo (cerca de 30 centímetros), nem sequer se fica a notar. Sempre que aplicar a laca, procure apenas não se concentrar numa única zona específica da cabeleira. Não só não favorece nada o cabelo, como ainda se fica a notar».   A laca e o spray de fixação são a mesma coisa: Mito Não confunda laca com spray de fixação, que em nada são iguais! «Ambos fixam – é um facto – mas não são usados com a mesma finalidade. A laca é um spray bastante fino, tão fino quanto a bruma. O spray, esse, transforma-se em gotículas para um efeito bem mais sustentado. Por norma, o spray serve para fixar o movimento da cabeleira, ao passo que a laca é mais usada na finalização. Com a laca, é bem fácil fixar de forma localizada».   Para uma fixação duradoura, é necessário uma laca com um elevado grau de fixação: Verdade As lacas diferem umas das outras, pelo que se devem escolher em função do grau de fixação visado. «Os penteados mais exigentes requerem um grau de fixação forte. Agora, se for só para realçar um movimento de cabelo, uma laca de grau de fixação mais fraco serve perfeitamente.»   © DR  © Jean Louis David

PARTILHAR

Pode também gostar

Homens: cabelos curtos e engenhosamente imperfeitos

No inverno, é difícil manter uma cabeleira intacta quando se...

Ler Mais

Zoom na atitude Rock’n’Roll de Jean Louis David

Fiel ao espírito de Jean Louis David, a nova coleção...

Ler Mais

Permanente versus manutenção

O objetivo da permanente é criar, de forma duradoura, caracóis...

Ler Mais