0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Tendência homem: cabelos achatados com efeito de brilhantina

Não há como ficar-lhe indiferente: a tendência deste verão para os homens são os cabelos achatados com efeito de brilhantina. Este penteado retro muitíssimo anos 50 escapou de boa e, ao contrário do que possa pensar, requer mais do que meramente cera para criar aquele ar polido e aprumadinho!   O corte. Os cabelos escalados encontraram o penteado que lhes assenta que nem uma luva, nesta estação! Para um resultado achatado com efeito de brilhantina 5 estrelas, os cabelos querem-se não só escalados, como se preferem com algum comprimento. Caso contrário, não há meios de os achatar para trás. Idealmente, os cabelos deverão ter uns 4 centímetros de comprimento. Chega de cortes curtos e de cabeças rapadas!   O penteado. Para obter este look achatado com efeito de brilhantina, comece por secar os cabelos com o secador. Faça por alisá-los bem para que o processo de os achatar seja mais fácil de realizar. Os cabelos são separados por uma risca ao lado baixa, dispostos para trás e posteriormente trabalhados com gel para conferir aquele ar polido. Uma noz de gel é suficiente para conseguir o efeito wet look. Para uma aplicação mais eficiente, esfregue o gel nas palmas das mãos e aplique-o uniformemente à medida que vai dispondo os cabelos para trás. Tenha o cuidado de não pôr demasiado produto, evitando assim ficar com aquele aspeto oleoso ou “teso”. E tenha o cuidado de distribuir uniformemente o produto por toda a cabeleira.   © Pixelformula / Desfile Dior Homem pronto-a-vestir, primavera-verão 2013 © Jean Louis David

PARTILHAR

Pode também gostar

Cabelos compridos e escalados para um look boémio

Os cabelos curtos não são os únicos cortes a levarem...

Ler Mais

Cabelos compridos e escalados: quais os penteados deste inverno?

Os cortes escalados assentam a qualquer pessoa, independentemente do comprimento e...

Ler Mais

Um corte escalado para um efeito “penteado-despenteado”

Nesta estação, quase que se podem contar pelos dedos os...

Ler Mais