0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Que uso se pode dar aos ganchos para puxo?

Para uma boa parte dos penteados, os ganchos para puxo tornam-se indispensáveis. No entanto, nem sempre é fácil saber por quais optar. Que forma adotar? Fazem jeito na execução de que tipo de penteado? Contamos-lhe aqui tudo.   «Os ganchos para puxos apresentam-se de duas maneiras: uns com um lado achatado e o outro denteado, e outros cujos dois lados são achatados. O lado denteado do gancho usa-se sempre virado para cima. Usam-se da mesma forma ambos os modelos, mas aquele que apresenta um lado denteado segura melhor, sendo, muitas das vezes, o modelo que se deve privilegiar. Para um puxo clássico do tipo bailarina, por exemplo, prefira os ganchos com lado denteado para segurar a base, e os outros para as mechas». A escolha do tamanho do gancho, essa, faz-se consoante o tipo de cabelo e a quantidade de mechas que se pretende prender. Convém que quanto mais comprido e espesso for o cabelo, maior seja o gancho, e vice-versa.   Fazer com que este tipo de gancho se segure nem sempre é evidente. «Deve-se apanhar o jeito, mas é bastante rápido. Trata-se de cravar umas mechas e ir em sentido oposto para que os cabelos se segurem na perfeição, ao nível da raiz».   Todavia, os ganchos para puxo não servem unicamente para esse fim. «Os ganchos para puxo também podem ser uma alternativa ao modelador de caracóis quando se quer encaracolar o cabelo. É a técnica utilizada pelos cabeleireiros de estúdio. Para conseguir esta técnica, deve-se pegar no gancho, entortá-lo, prendê-lo em volta de uma mecha fina e aquecer com as placas de cerâmica de um alisador, garantindo assim um resultado otimizado. Substituem os papelotes outrora usados para realizar este género de caracóis.» Os ganchos servem também, portanto, para pentear, e não só para prender. Servem ainda de ornamento para sublimar um ou outro penteado conforme mais gostar.   A nossa dica: Opte sempre por ganchos cujas extremidades sejam de plástico, pois os outros aleijam a prender. Podem, aliás, danificar o cabelo a longo prazo.   © DR © Jean Louis David

PARTILHAR

Pode também gostar

Os cabelos achatados atrás das orelhas: opinião de profissional

Desafogar o rosto não significa necessariamente usar o cabelo apanhado. Alguns...

Ler Mais

(Pinterest) Os rabos-de-cavalo mais bonitos para cabelo comprido

Escolhemos para si 4 modelos de rabo-de-cavalo, que são fantásticos...

Ler Mais

Os meus cabelos ficam danificados se os prender com frequência?

Adora usar o cabelo amarrado, e com toda a razão...

Ler Mais