0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Passar de morena a loira

Passar de morena a loira pode vir a ser uma etapa um tanto complicada se não for preparada devidamente. É uma coloração que sensibiliza particularmente os cabelos. Para um resultado por medida, confie nas mãos do seu cabeleireiro, que saberá preservar os seus cabelos durante essa operação.   Se desejar passar de morena a loira, o seu cabeleireiro terá, em primeiro lugar, de estudar escrupulosamente a sua cor de base e o estado dos seus cabelos. «O loiro que se poderá conferir depende do seu castanho de base. Quando se quer passar do castanho ao loiro, o melhor é fazer madeixas, pois permitem aclarar a cabeleira na sua íntegra. É o ideal para conferir um loiro regular e natural. O trabalho do cabeleireiro irá igualmente depender do estado do seu cabelo. Em cabelos saudáveis, não haverá problemas. Agora, se estes estiverem fragilizados, convém ser-se comedido quanto ao grau de aclaramento.»   Uma morena que queira virar loira terá de passar por várias etapas. «Quanto maior for a facilidade com que o cabelo aclara, menores serão as etapas necessárias para passar do castanho ao loiro. E, quanto mais etapas forem necessárias, mais o cabelo tende a ficar sensibilizado. É por esse motivo que os cabelos secos devem evitar este tipo de coloração, ou ainda está sujeita a ficar com a cabeleira com aspeto de palha. Por outro lado, há que ter em conta que o loiro se destina às mulheres cuja base seja média, e não escura. Caso contrário, o mais provável é que o resultado seja uma catástrofe em termos de cor e para a saúde do cabelo.»   Depois, para que a sua cor continue bonita, há que dar-lhe os cuidados devidos, regularmente. «Compete ao cabeleireiro explicar o quanto a manutenção é importante nestas colorações. Para evidenciar uma cor impecável, o ideal é ir ao cabeleireiro de 6 em 6 semanas, o que ainda representa algum investimento. Em casa, poderá cuidar dos seus cabelos, recorrendo a champôs e máscaras, mas também a produtos desamareladores.»   A nossa dica: Na Jean-Louis David, os produtos para a pré-coloração do cabelo não contêm amoníaco. Deste modo, evita-se agredir e sensibilizar os cabelos. Para uns cabelos em boa saúde, privilegie, por isso, os produtos sem amoníaco.   © DR © Jean Louis David

PARTILHAR

Pode também gostar

Léxico penteados: “Criar cabelos brancos”

Criar (ou ganhar) cabelos brancos   O suposto significado: Provocar intencionalmente o aparecimento de...

Ler Mais

Style Bar – Cabelo Louro

1/ Um “Half Hawk”, com um risco muito alto, sublinhado...

Ler Mais

Corte de cabelo: o semilongo edição 2014

Em 2014, a época primavera-verão projeta os holofotes para o...

Ler Mais