0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
0
0 Items Selecetd
No products in the cart.
Fechar
Voltar

JLD’MAG

Os erros de coloração de que não se quer mais ouvir falar em 2013

Chegou a hora, neste início de ano, de acertar os ponteiros. Há erros capilares, nomeadamente em termos de coloração, que deixarão de ser tolerados em 2013! Conheça, sem mais demora, os 5 primeiros classificados.

As madeixas às listas. Pode até ser a tendência capilar da década de 90, mas as madeixas às listas vão ter de desaparecer de todas as cabecinhas. É que, não só já não se usam, como não são propriamente as que mais favorecem… Hoje, a tendência quer-se natural. Ou, em último recurso, artificial, mas extremamente bem dissimulada! “Se desejar mudar de cor, opte antes por um Contrastes, uma balayage subtil que lhe permitirá criar nuances na sua cabeleira sem destoar muito da sua cor natural.”

Os cabelos fluorescentes. A menos que a sua onda seja mesmo a tendência Seapunk ou que pretenda evoluir num meio artístico q.b., os cabelos fluorescentes estão fora de questão para o dia-a-dia! “Em primeiro lugar, porque passar a usar cabelos cor-de-rosa ou verdes não é propriamente sinal de discrição, mas também porque estas colorações radicais podem deixar os seus cabelos em maus lençóis.” Prefira colorações temporárias caso queira experimentar cores fluorescentes.

As raízes à vista. Quando se passa de morena a loira, dificilmente se aprecia o momento em que as raízes escuras se começam a notar. “Há mulheres que, principalmente por questões financeiras, demoram a retocar as raízes, daí explicarmos às nossas clientes a importância da manutenção, nomeadamente no caso daquelas que pretendem mudar radicalmente de cor. Uma visita ao salão de cabeleireiro em cada mês e meio é necessária para evidenciar uma coloração harmoniosa.”

As extensões mal escolhidas. Se forem mal colocadas ou de cores diferentes, as extensões não surtirão o efeito desejado. Para um resultado personalizado, confie os seus cabelos aos cuidados do seu cabeleireiro e prefira extensões da mesma cor que a dos seus cabelos naturais. “Se as extensões forem aplicadas corretamente e usufruírem dos cuidados devidos, ficará a ganhar em massa capilar, para exibir uma cabeleira de sonho!”

As cores que se alteram. Abstenha-se de pintar o cabelo se não estiver disposta a investir, posteriormente, na respetiva manutenção! Se for negligenciada, a cor acaba por desbotar com o tempo e, pior ainda, pode ficar alterada. “Para evitar este fenómeno, use champôs e máscaras para cabelos pintados. Duradoura, a sua cor ficará mais bem protegida das agressões externas.”

PARTILHAR

Pode também gostar

Os novos serviços de coloração Jean Louis David para o verão de 2014

A temporada primavera-verão 2014 faz as honras às cores luminosas...

Ler Mais

Acerte em cheio no ruivo

O ruivo regressa em grande nesta estação estival 2014. As...

Ler Mais

Passar do loiro ao castanho: como proceder?

Muito se tem falado das morenas que gostariam de ser...

Ler Mais